Bem-vindo ao Site da OAB - Quarta  28 de Julho de 2021
Cadastre-se para receber notícias da OAB Sinop
Amada Sirlene - OAB - Ordem dos Advogados do Brasil
Amada Sirlene
07/06/2021

Amada Sirlene,

Como é fácil falar de você! Mas como está difícil ter que falar sem que você possa nos ouvir aqui, nesse plano material.

Sabemos que nos ouve em algum lugar privilegiado, no plano celeste. Mas ainda não nos conformamos com a ideia de não ter você aqui ao nosso lado.

Você resplandecia humildade e nessa virtude estava a solidez e a grandeza de mulher forte, guerreira e de singular alto astral e carisma. (Aluísio Barros)

Você tinha o sorriso de uma guerreira! (Rui Farias)

Sempre foi uma amiga de coração leve, que por onde passava deixava alegria. Uma pessoa doce e ao mesmo tempo tão forte. Impossível não amá-la. Hoje, deixa um vazio dentro de nós ao retornar a nossa verdadeira pátria espiritual. A saudade permanecerá, mas nos restará a certeza do reencontro! (Mônica Naldi)

Ah que falta nos farão nossos encontros... regados à gargalhadas, quibe cru, fotos e vinho! (Amigas)

Ainda que o momento seja de muita tristeza, é impossível pensar em você e não sorrir. Ficam as lembranças de uma amiga querida, corajosa, determinada, alto astral; de uma profissional generosa e que sempre esteve disposta a compartilhar seu conhecimento; de uma mãe leoa e amorosa. Em sua breve passagem, deixou rastros de amizade e amor. Quanta honra ter participado dessa jornada contigo. Você e seu sorriso marcante já fazem falta em nossas vidas. (Melissa Sartori)

Quanto privilégio tiveram seus filhos e netos, que sempre te honraram e vão continuar honrando e amando. Dani, Daline e Vinicius, herdaram de você o mais precioso bem: o amor, e terão a missão de repassá-lo aos seus filhos, sempre lembrando da vovó amorosa que foi em vida.

O que mais dizer da nossa amiga bico fino? Mãezona acolhedora. Advogada desbravadora. Dona da alegria mais contagiante e, ao mesmo tempo, se alguém pisasse no calo de uma amiga. Ahhh era briga na certa! Quem de nós não tem ao menos uma história inesquecível contigo? E agora estamos nós, cheios dessas lembranças e mais cheios ainda da dor da sua perda. Que dor... o coração tá esmagado, as palavras não saem, mas precisamos orar e buscar alento na certeza de que neste momento o céu está em festa com a sua chegada. (Xênia Guerra)

Com seu jeito despojado e autêntico, recebia o título de “Dra. descalça”. Atendia clientes de chinelo e até tirava os sapatos na sala de audiências, sem que isso jamais representasse falta de respeito ou desleixo, pois todos que a conheciam sabiam da magnitude da sua honra, respeito e prestígio enquanto profissional. (Andreia Romfim)

Por falar em histórias, impossível não rir do dia que o amigo Daniel Aguiar escondeu seu sapato na sala de audiências!!!

Não temos palavras para expressar o sofrimento com a sua perda. Você foi um presente que a OABMT, a advocacia e a vida proporcionou a cada um de nós. A sua amizade sempre foi intensa com todos. Fazia até dupla no Conselho Seccional da OABMT, beijinho e brigadeiro.  Que sorte a nossa conviver ao seu lado e tê-la como amiga, mãe, esposa, avó, comadre.  Você será lembrada para sempre com seu jeito alegre de viver.  Sua partida está nos machucando muito, mas os propósitos de Deus são maiores que os nossos. (Tatiane Barros)

Sirlene, sempre me dizia coisas lindas, daquelas que levantam o astral e te deixam feliz!!! Só ela sabia nos dizer essas coisas!!! Sempre foi uma amiga amorosa, parceira, animada...um ser humano singular. Só Deus sabe a falta que fará, mas sobretudo agradecemos por ter tido o privilégio de ter sido sua amiga!!! Obs.: Também te amooooo!!! (Saionara)

O que mais consola nossos corações, querida Sirlene, é saber que você viveu intensamente e que não deixou legado algum de arrependimento. Você é uma das poucas pessoas a quem a música EPIFÁFIO de Titãs, não faz sentido algum... Porque você AMOU DEMAIS, CHOROU, SORRIU, VIU O SOL NASCER, SE ARRISCOU, ERROU, E FEZ O QUE QUERIA FAZER!!!

 Talvez todo o nosso sofrer seja egoísmo, porque cada um de nós aprendeu a te chamar de “minha” mãe, “minha avó”, minha “esposa”, minha “amiga”, minha “comadre”... mas o que não sabíamos é que o pronome possessivo “minha” que no Português significa algo que nos “pertence”, não se aplica às pessoas que amamos. Infelizmente, não somos desse mundo, nem pertencemos a ninguém. E você sempre representou um espírito livre e assim viveu! (ROMFIM)

Estamos aqui só de passagem, e você, amada Sirlene, completou sua jornada, deixando rastros de luz e amor por todo lugar que passou!

Obrigado Sirlene, por ter nos ensinado a simplicidade com o próximo, um amor verdadeiro, uma amizade eterna. Deus lhe receba de braços aberto. (Walmir Machiavelli)

Descanse em paz “brigadeiro”, “bico fino”, “Dra descalça” ... nossa Paraguaia amada... você sempre estará em nossos corações!!!

TE AMAREMOS ETERNAMENTE,

ATÉ BREVE!!!

©2011 OAB - Ordem dos Advogados do Brasil - 6ª Subseção - Sinop/MT